60% dos usuários não usam antivírus em seus dispositivos móveis

60% dos usuários não usam antivírus em seus dispositivos móveis

Publicado em 28 de fevereiro de 2019

A informação é proveniente de uma pesquisa realizada entre usuários ESET. Os participantes também destacaram diversos aspectos sobre a segurança em dispositivos móveis.

Embora 30% dos usuários ESET tenham receio que seu dispositivo móvel esteja infectado com código malicioso, 60% não possuem uma solução de segurança instalada. Em uma época em que os dispositivos móveis são mais usados ​​do que os computadores para acessar a Internet, existe uma falsa crença de que não é necessário usar um antivírus no smartphone ou tablet.

Atualmente, os usuários usam seus dispositivos móveis para navegar pela Internet, acessar emails, abrir documentos, assistir a filmes e muitas outras coisas. Se considerarmos que muitos ataques usam email, navegadores ou anexos como “porta de entrada”, por que não acreditar que nosso smartphone pode ser infectado por algum código malicioso?

Por outro lado, 60% dos participantes da pesquisa afirmaram que utilizavam às redes Wi-Fi públicas ocasionalmente ou sempre que podiam, embora evitassem se conectar ao serviço bancário online ou fazer compras com esse tipo de conexão.

Os usuários geralmente não prestam a devida atenção ao baixar um aplicativo. De fato, 60% dos participantes disseram que normalmente não verificam as permissões que o novo aplicativo solicita. Esse é um risco que pode ter consequências, especialmente se tivermos em conta que há algum tempo os cibercriminosos estão focados em campanhas maliciosas que se escondem atrás de aplicativos bancários falsos ou fingem ser aplicativos legítimos de videogame.

Confira o infográfico que resume os principais resultados da pesquisa sobre segurança em dispositivos móveis.

Conheça as soluções ESET.


Escreva um comentário

* Seu comentário aparecerá após a aprovação do moderador.

Fale com a Centric

Nosso canal com os profissionais de TI

Centric Academy