O que é um data center e qual sua importância nas atividades diárias das empresas

O que é um data center e qual sua importância nas atividades diárias das empresas

Publicado em 10 de setembro de 2021

Um data center funciona como uma central de dados, o que também pode ser considerado sua tradução livre para o português. É nele que ficam os equipamentos de processamento e armazenamento que cuidam de todos os dados de uma corporação.

Informações sobre seus clientes, funcionários, ou qualquer outro dado que seja relevante para o funcionamento da empresa. A estrutura da central de dados é física e abriga recursos de armazenamento, gerenciamento de servidores, rede e telecomunicações e conta com switches, servidores, roteadores e storages.

Seu tamanho varia e pode ter milhares de servidores e bancos de dados. Você vai descobrir agora para que um data center é indicado e porque é importante considerar um para sua empresa.

Para que serve um data center?

O data center é crucial para os tempos digitais em que vivemos, pois é nele que todas as informações de uma empresa ficam armazenadas, o que garante a organização e a proteção dos dados.

Sua função é abrigar servidores, bancos de dados e processar todas as informações requeridas por uma corporação, diariamente.

Um número inestimável de atividades e serviços está ligado a data centers, como distribuição de energia, iluminação, internet, sistemas de segurança gerais, sistemas de segurança bancários, entretenimento e diversos outros.

Assim, a principal função de um data center é disponibilizar equipamentos e recursos para que todos os sistemas que são imprescindíveis para o funcionamento da sua empresa estejam sempre operando corretamente.

Considerado o sistema vital de uma organização, o data center foi projetado para trabalhar ininterruptamente e evitar interrupções no trabalho e no decorrer das rotinas de uma corporação.

O tamanho de um data center é diretamente proporcional à dimensão da empresa a qual atende, pois precisa ser suficiente para processar os dados e armazenar as informações obtidas.

Eles podem funcionar em salas, racks, armários metálicos ou, em caso de grandes organizações, funcionar em edifícios ou espaços específicos somente para isso.  

A importância do data center nas empresas

Muitas vezes, não nos damos conta que um data center é de extrema importância para o funcionamento de diversos setores da nossa vida. Do acesso a internet para entretenimento até as transações bancárias feitas no dia a dia, tudo se mantém em pleno funcionamento a qualquer momento do dia por estar integrado a serviços de diversos data centers.

Empresas como Google, Amazon e Microsoft contam com data centers de enormes proporções para atender às demandas internas e externas. Seus servidores são próprios, mas eles também podem ser terceirizados, em caso de empresas de porte mais enxuto.

Entre segurança, manutenção e personalização, existem muitas vantagens com um data center na sua empresa, confira mais detalhes a seguir.

 Livre de manutenções

Ao contratar um data center, sua empresa conta com o que é considerado um dos maiores benefícios desse serviço: ter uma equipe disponível a qualquer momento para realizar manutenções preventivas, acompanhar a performance dos produtos em funcionamento e receber relatórios constantemente.

 Customização de projetos

A personalização é outra das vantagens que sua empresa garante com a contratação de um data center, pois a escolha de recursos é completamente flexível. Assim, você poderá escolher os recursos que mais se adaptam para suas rotinas, pensando naqueles que trarão mais vantagens para o seu modelo de negócios.

Os produtos, então, são modelados de acordo com as necessidades da corporação, e não o contrário, fazendo com que você não precise ficar procurando incansavelmente o serviço ideal ou que tenha que optar entre um produto ou outro.

 Segurança das informações em nuvem

Uma companhia deve ter ciência de que se conecta com diversos dispositivos e que recebe todo tipo de informação. Sem os recursos de segurança necessários, todos os seus dados considerados importantes podem estar vulneráveis a ciberataques que resultam em vazamentos de materiais e roubo de informações.

Os data centers oferecem o benefício de contar com ambientes físicos e virtuais seguros, pois a quantidade de coisas que processam requer locais onde os equipamentos estejam protegidos. As salas ou locais onde se encontram os servidores e outros recursos do data center não são acessadas por qualquer pessoa, garantindo a integridade dos dados obtidos.

Ninguém está livre de acidentes, mas ainda assim é possível tomar precauções para que eles não aconteçam. Os data centers também oferecem segurança para as informações contra calor excessivo, pois contam com sistemas de resfriamento especiais para os equipamentos, assim como sistema de prevenção e combate a incêndios e geralmente também ficam em locais elevados para evitar possíveis inundações.

Oferecer garantia de um armazenamento de informações protegido é algo que os data centers terceirizados costumam oferecer, para que os dados da sua empresa estejam seguros e sempre disponíveis.

Componentes de um data center 

Um data center precisa estar funcionando plenamente para entregar todos os produtos requisitados por uma ou por várias empresas, no caso de ser terceirizado. Para que isso aconteça, são necessários alguns componentes essenciais.

 Servidores

Computadores de alta performance que realizam tarefas específicas, feitos para receber uma demanda alta de requisições, são os servidores que formam a base do data center.

Os computadores que são alocados em servidores são instalados em racks. São eles que dão aquela característica marcante de grandes corredores iluminados aos data centers.

Em data centers menores, são usados entre 10 e 50 racks. Já nas empresas de maior porte que contam com demandas muito grandes, a quantidade pula para a casa das centenas.

 Segurança

Você já deve ter percebido que a segurança é crucial para um data center, já que estes são responsáveis por armazenar dados de suma importância para as empresas. Para que tudo seja corretamente preservado, o controle de acesso é bastante rígido e limitado.

Para reforçar ainda mais a segurança, os locais que abrigam data centers contam com sistema de monitoramento por câmeras instaladas estrategicamente e softwares de alta eficiência que detectam de forma precisa qualquer possível desvio de padrão.

 Refrigeração

Um data center precisa ter um ambiente refrigerado corretamente para se manter funcionando. Com servidores ligados dia e noite e dispostos em um local fechado, a temperatura interna costuma ser bem alta.

Aparelhos de ar condicionado potentes também precisam ficar ligados ininterruptamente para manter a temperatura do data center ideal. É por isso que muitos data centers estão localizados em países de baixa temperatura.

Como o data center pode ser utilizado

Existem algumas formas de funcionamento dos data centers e você pode escolher aquela que mais se adequa às necessidades da sua empresa. Confira a baixo quais são elas!

Corporativo Monolítico

Esse modelo de utilização pertence exclusivamente a uma empresa e não é compartilhado com outras corporações. Conta com infraestrutura física e lógica, mas a operação e a gestão de processos são terceirizadas.

Corporativo Compartilhado

Como o nome já diz, esse modelo compartilha uma infraestrutura de data center com diversas empresas. Todas as operações e gestão de processos informatizados são terceirizadas e a empresa que oferece o serviço também fica responsável pelo setor de TI.

ASP

O Provedor de Aplicações e Serviços (APS da sigla em inglês) é um modelo corporativo compartilhado que permite que uma instituição use os recursos disponíveis de um data center. Prestação de serviços, aluguel de licenças de software, espaço de armazenamento e processamento podem ser contratados de servidores hospedeiros.

Tipos de data center

Existem duas categorias de data center mais utilizadas, com diferentes tipos de serviço. Conheça-as a seguir!

PDC

O PDC ou Data Center Privado é um data center privado é uma estrutura física e, como o nome sugere, é operado dentro de uma empresa. Tem como objetivo cuidar dos dados, processamento interno e aplicações de internet da própria empresa.

IDC

Já o Internet Data Center é propriedade de um provedor de serviços de telecomunicações e sua operação também é oferecida por ele. Seu foco é fornecer serviços de conexão, hospedagem de sites e de equipamentos de seus contratantes.

Data Centers e a proteção de dados

A Lei Geral de Proteção de dados, também conhecida como LGPD surgiu da necessidade de padronizar o tratamento dos dados pessoais e faz com que as empresas só possam compartilhar as informações de cadastro dos seus clientes se forem devidamente autorizadas.

A LGPD funciona para todos os setores empresariais do país e mesmo as multinacionais precisam ter adequação a ela. Assim, os data centers também precisam estar protegidos e adequados a todas as exigências da lei.

Para saber se um data center está obedecendo aos padrões da LGPD, você deve verificar se ele investe em redundância, armazenando os dados tanto na nuvem quanto em local físico com os itens de segurança física que já mencionamos no tópico homônimo.

No que tange a proteção virtual, certifique-se de que o data center utiliza tecnologias como a criptografia no armazenamento de dados e firewalls de proteção.

Saiba mais sobre data centers

Agora que você conhece a utilidade e as vantagens de um data center e sabe o que procurar nos produtos que uma boa central de dados oferece, contate os experts da Centric !

Saiba todas as possibilidades que podem ser abertas com a escolha de um data center para sua empresa.

Tags da Publicação


Escreva um comentário

* Seu comentário aparecerá após a aprovação do moderador.

Fale com a Centric

Nosso canal com os profissionais de TI

Centric Academy